Propaganda serve para rir

E eis que um colega de trabalho, assinante da Claro, recebeu o seguinte SMS:

Baixe agora no seu Claro o Hit Dont Cry For Me Argentina. É só acessar o link blá-blá-blá

Fico imaginando quantos argentinos que moram aqui no Brasil estão estudando preços de outras companhias telefônicas… 😀

Los Hermanos virou praga

A Débora me chamou no MSN e me meteu pilha para votar na Poliéster no Festival de Bandas Trama Universitário. Como não sou de sair votando sem avaliar todos os candidatos fui lá conferir. Pois bem, a tal de Hipnóticos vou te dizer: cria espiritual do TNT, sem originalidade nenhuma, só isso. Mas o que me chocou foram a Poléxia, a Stereoplasticos e a Apanhador Só… As três parecem um subproduto de Los Hermanos, seja no jeito de cantar, seja na estrutura da música. Ok, eu posso até gostar de Los Hermanos, mas venhamos e convenhamos que até o power-pop da Poliéster é melhor… Sim, acabei votando na banda.

E como os caras da Trama para fazerem sites são umas éguas empacadas, não estou agora conseguindo escutar as outras regiões. Sim, eu só posso escolher apenas uma região e votar em uma única banda. Na verdade esse sistema está pedindo não para a melhor banda ser premiada, mas sim a que tem mais amigos. O sistema devia levar em conta a região da pessoa e liberar ela para votar nas bandas das outras regiões. Assim isso diminuia o fator brodagem. Não, vou te dizer, esses caras só pisam na bola. Bando de incompetentes.

Vai entender…

Sabe, quando se tem um blog com área para comentários é muito comum ter de enfrentar problemas com spam. Sempre tem algum cretino querendo usar o espaço que você disponibiliza para outros colocarem a sua opinião para ficar divulgando sites, tentando vender viagra e por aí vai. Mas o pior mesmo é ver que tem gente que se dispõe a criar mensagens padrão só para chamar a atenção da pessoa que visita o site para que ela clique no nome de quem deixou o comentário. E tais mensagns são verdadeiras pérolas. Olhem só algumas:

  • An artist is a dreamer consenting to dream of the actual world.
  • Love is an emotion experienced by the many and enjoyed by the few.
  • Patriotism is a arbitrary veneration of real estate above principles.

Lindo né? Agora me diz o que isso tem a ver com um produto para emagrecer? Pois é, nada né? Mas se esse blog fosse em inglês possivelmente o dono dele ia ficar na dúvida se apagava esse comentário. mas como esse blog aqui não é inglês tais mensagens acabam não tendo sentido algum.

É, não é mole não…

Só no lambe-lambe

Pois é, eis que hoje finalmente consegui baixar o vídeo de Seja mais certo, lá do site da Walverdes. Confesso que rateei não indo procurar no YouTube antes (a Julia, nova webmaster do site, já tinha feito a mão de colocar o vídeo lá) de forma que perdi tempo. Mas enfim, o caso é: videoclip do ano!


Vale a pena chamar a atenção de que o video foi feito com montagem de fotos. Fico imaginando a trabalheira do cão que deve ter sido editar esse catatau de imagens. Loucura pura e simples.

Olha eu aqui!

Pois é, eis que hoje tive uma surpresa: o meu caríssimo mestre Franz Figueroa saiu do seu monastério budista-cristão (budista porque como se sabe os monastérios budistas ficam no topo de montanhas inacessíveis, e cristão porque ele é a aplicação viva do versículo “Onde dois se reunirem em meu nome lá eu estarei”) para pegar no meu pé e dizer que encontrou um serviço que eu ainda não conhecia e onde, se eu conhecia, eu não tinha cadastrado a Unisinos


Pois é, o WikiMapia é um mashup entre o Wikipedia e o GoogleMap (na verdade, a impressão que dá é que ele usa a base de dados do GoogleEarth…), onde se faz o cadastramento de lugares na Terra. Uma ótima dica que eu realmente não conhecia. 😀

Pois é, o Mestre é o Mestre. Não tem jeito. :-)

Janelas abertas

Baixei o LiveCD do ReactOS 0.3.0-RC1 e constatei o seguinte: a interface ainda está meio tosca, o sistema está bem instável e há um monte de coisas precisando serem melhoradas. Contudo, é muito bom ver que o troço é funcional. Poder rodar aplicativos Windows, utilizar aplicativos da plataforma mais popular sobre uma base livre, dá uma sensação muito, mas muito boa.

Sabe, eu bem que gostaria de ver os programas do programa Computador para Todos com o ReactOS. Imaginem, um Windows com o OpenOffice.org, com o Firefox, com o GAIM, com o Gimp… Eis um projeto que merecia uma bela injeção de dinheiro por parte não só do governo brasileiro, mas de outros governos preocupados com a inclusão digital e a dependência tecnológica.

I could stay with you

Pois é, tenho que confessar que não gosto muito de Beatles. ok, adoro músicas como “Tomorrow never knows”, “Across the universe”, e por aí vai, mas o caso é que tem algumas músicas que eu acho simplesmente muito mas muito enjoativas as melodias. E a que eu acho de longe a mais enjoativa é Yesterday. É ouvir as primeiras notas e me sentir mal. No que eu penso que o Paul McCartney considera essa a sua música favorita eu já não consigo simpatizar com ele.

Mas enfim, o caso é que nesse dia 18/06 Sir Macca fez 64 anos. E isso faz com que eu lembre que uma das músicas que eu gosto dele é justamente When I’m Sixty-Four:


Bem, é ler a letra e ver o que aconteceu com a vida dele para se deixar de lado ranzinhices da minha parte e pensar: putz, todos os sonhos românticos do cara foram por áqua abaixo. Triste isso, realmente triste.

Mais um

Terra Esportes: Morre o humorista Bussunda, do Casseta & Planeta

Na última sexta-feira, o humorista jogou uma partida de futebol com funcionários da Rede Globo e os outros três integrantes do Casseta & Planeta, Hélio de la Peña, Beto Silva e Cláudio Humberto, em Munique.

Depois do jogo, Bussunda teve um mal-estar, mas se recusou a ir para o hospital. No dia seguinte (este sábado), ele acordou indisposto e sofreu o ataque fulminante.

O detalhe nessa história é que o Bussunda estava nos últimos tempos fazendo regime, cuidando do corpo, já que a mãe dele tinha morrido por causa do coração, a quatro anos atrás. Segundo o médico dele não havia motivos pro cara ter tido o ataque cardíaco, fora a predisposição genética.

Pois é, e daí, quando eu digo que esporte faz mal à saúde, ninguém me leva a sério, pensam que tô fazendo piada… Pois é, olhem só agora o que aconteceu com o humorista.

E descanse em paz Bussunda. Tu fez muita gente nesse país triste rir. Nunca vou esquecer de você imitando a Vera Fischer. Simplesmente impagável.

Cada coisa no seu lugar

Queria ter comentado essa semana passada, mas enfim, ainda está em tempo: estava esses dias lendo um texto na rede e de tão medonho passei pro Diego. Foi o homem ler e me responder “Muito mal escrito. Parece um MALDITO BLOGUEIRO!”. Pois é, e não é que o Lúcio Ribeiro de jornalista passou a blogueiro mesmo?

Sim, eu sei que é maldade da minha parte, mas fazer o que se o cara realmente escreve mal…