Só para constar…

Atualização de status: me pesei hoje e estou com 105,6 kg. Ou seja: desde o dia 09/12/13 já foram 25 quilos. :-)

E o interessante é que com isso estou com o mesmo peso que eu tinha em 30/09/2001. O interessante é que na ocasião eu resolvi fazer uma dieta extremamente restritiva, que fez com que eu perdesse em 5 semanas 12 quilos. Bom, né? Não, não foi bom. Eu estava com alteração de humor, cansaço e outros problemas, além de que não aguentava mais as restrições alimentares. Assim, quando entrei em depressão por conta do fim de um relacionamento, rapidinho recuperei tudo além de ganhar um pouco mais.

Bem, não digo que estou imune ao efeito-sanfona, mas o caso é que dessa vez não estou me restringindo. Confesso que há algo de magia negra no fato de eu ir a uma churrascaria, me empanturrar de carne e no dia seguinte ao me pesar ver que me mantenho com o mesmo peso (isso quando não perco peso). Não tenho passado nada de fome, tenho feito quebras nas dieta que não a comprometem e que acabam com aquela ansiedade que eu já vivi em n dietas. Fico olhando o histórico aqui do blog na época que fiz a minha dieta mais radical e fico pensando em como eu conseguia me manter em pé. Muito, mas muito absurdo.

Picaretagem pouca é bobagem

Há dias tenho recebido ligações do número 021 980500034. No que eu atendia a ligação caia. Bem, agora a pouco atendi e ouvi uma atendente se identificando como sendo da TIM, dizendo que precisava repassar uma informação e que para isso era necessário confirmar alguns dados (no caso nome completo e data de nascimento). Eu me recusei a passar esses dados, e pedi uma prova de que era realmente a TIM me ligando. A atendente se ofereceu para repassar os 3 primeiros números do meu CPF e eu respondi que isso não era uma prova de que o número que estava ligando era da TIM. Ela então me repassou o número 0800 8882373, dizendo que ali eu poderia confirmar que a ligação era da operadora. Disse que preferia receber um email da TIM confirmando, mas ela respondeu que isto estava fora do procedimento padrão e que, caso fosse verificado que não houve ligação para o número em questão eles retornariam as ligações. Assim, liguei então para o número em questão e fui atendido por um sistema automático, que pediu para que eu entrasse com o meu CPF para poder iniciar o atendimento.

Foi nessa hora que eu desliguei e liguei para o *144, número que consta da página da TIM como sendo o número oficial de contato. Ali, conversando com a atendente, que não pediu nome completo, CPF, nada do gênero, verifiquei com a atendente que os números em questão não tem ligação com a TIM. Pois é…

Agora, o que me chama a atenção é que eles tinham dados como nome completo, data de nascimento e CPF. Isso associado ao número do meu telefone. Como assim? Onde esse povo obtém esses dados? De qualquer maneira fica a dica: se alguém ligar para você e pedir para confirmar dados se recuse. Peça para quem está ligando um modo de confirmar que realmente é quem diz e aí acesse o site da empresa para ver pelos canais oficiais de comunicação se esse meio de confirmação é quente. Você vai perder um pouco de tempo com isso? Vai, mas pelo menos ajuda a atrapalhar o golpe desses picaretas.